www.stone-ideas.com

Arquitetura: Mesquita sem igual no planeta

Decorações florais em pedra, coladas às paredes. (Junho 2009) As metas eram ambiciosas: o templo deveria representar a grandeza de Deus e a força da fé. A Mesquita Sheik Zayed em Abu Dhabi foi concluída e a suntuosidade e fino acabamento que ela oferece quase não encontra similares no mundo.

O Sheik Zayed Bin Sultan Al Nahyan, falecido em 2004, foi o fundador e primeiro presidente dos Emirados Árabes Unidos. Sob sua direção foi iniciado em 1996 o projeto do templo religioso que hoje oferece acomodação para 40 mil fiéis, sendo a sexta maior mesquita em todo o planeta. A construção conheceu várias controvérsias, atrasos e replanejamentos, até que em 2009 essa maravilha, visível à larga distância e localizada no alto de uma colina artificial, finalmente ficou pronta. É digno de nota, entre outras peculiaridades, que a mesquita também pode ser visitada por não-muçulmanos.

Em termos de aplicação de pedras, dois aspectos merecem atenção: de um lado, a decoração das paredes com os mármores mais finos, de outro, mosaicos e marchetarias com pedras semi-preciosas. Outra exigência do sheik foi que o templo fosse construído para muçulmanos de todas as partes, e para isso os materiais deveriam ser oriundos de diversos países, assim como os especialistas que os trabalharam.

Arquitetos, artesãos e caligrafistas foram recrutados na Itália, Grécia, Índia, Turquia, Irã, China e nos Emirados Árabes Unidos. No total, 3 mil pessoas de 38 países tomaram parte na construção. A direção de projeto ficou a cargo da arquiteta de origem árabe, dra. Salma Samar Damluji. Para a execução, após alguns problemas iniciais, foi contratada a empresa britânica Halcrow.

Evidentemente que apenas espécies de mármore puramente branco poderiam ser empregadas no revestimento externo das paredes de metal e concreto. Em razão da grande quantidade, a escolha recaiu sobre o mármore Sivec, da região da Macedônia, na Grécia. O interior foi decorado com mármore Laasa, dos alpes italianos, o qual correspondia aos desejos dos planejadores de uma superfície que pudesse manter um tom básico uniforme se polida, jateada ou flamejada.

O mármore indiano Makrana, com o qual o Taj Mahal resplandece, só pôde ser utilizado em uma pequena parte da mesquita, visto que não pode mais ser fornecido em grandes quantidades. As espécies chinesas Aquabianca, Bianco e Ming Green foram empregadas nas fontes e nos locais de lavagens rituais.

Para a aplicação do revestimento externo foi contratada a empresa HAZ Metal. O mármore para os interiores e pátio (Bianco Lasa Classico) foi fornecido pela empresa italiana Henraux. O revestimento interno e a decoração dos pisos foram confiados às italianas Budri e Fantini Mosaici e à Al Hashem Marble, de Abu Dhabi.

São notáveis os magníficos desenhos florais no interior da mesquita, em especial aqueles nas arcadas formadas por 96 colunas. Suas padronagens pétreas de flores e folhagens foram completamente feitas à mão. Os materiais foram lapislazuli escuro, diferentes espécies de jade ou jaspis e também madrepérola em espessuras de 2 mm a 3 mm. Essas pedras semi-preciosas foram colocadas no mármore Sivec branco e coladas lado a lado com ele. O trabalho foi realizado pelo empresa indiana Saray.

Nas paredes, as padronagens florais são de mármore colorido e foram coladas sobre fundo branco. Elas foram replicadas sobre o piso, cortadas através da técnica de hidro-radiação.

Se nos interiores os desenhos florais servem apenas à decoração, nos enormes pátios internos eles têm uma função extra: no deque agem também como atenuantes de luminosidade, visto que sem eles a superfície de 18 mil m² de mármore branco seria insuportavelmente ofuscante durante o dia. Durante a instalação, os desenhos foram colados no piso de concreto e só depois segui-se o mosaico de mármore branco no entorno.

O custo estimado da mesquita foi superior a 525 milhões de dólares.

Outro superlativo é o tapete de orações da mesquita, que mede 7 mil m2. Ele é o maior do mundo em sua categoria e foi fabricado durante dois anos, com o trabalho manual de 1200 mulheres no Irã, pesando 47 toneladas.

Sheikh Zayed Mosque

Vídeo da Al-Arabiya sobre a mesquita

Vídeo da Halcrow

Webpage para visitantes

HAZ Metal

Henraux

Budri

Fantini Mosaici

Al Hashem Marble

Fotos: Halcrow