www.stone-ideas.com

Escada em rocha ornamental suspensa no ar, com arco de 320 graus

The Stonemasonry Company, Webb Yates Engineers: Escada em rocha ornamental suspensa no ar, com arco de 320 graus.

A empresa britânica The Stonemasonry emprega em uma construção excepcional fios metálicos mantidos sob tensão

Sempre foi um desejo dos arquitetos construir estruturas ascendentes, leves e harmônicas e assim simbolizar o elevar-se da humanidade acima da miséria do dia a dia, informa a descrição do projeto da The Stonemasonry Company britânica. E de fato os cantareiros criaram uma escada que cumpre essa imagem perfeitamente: os degraus se elevam sem apoio nas alturas e assim quase fazem uma volta inteira em si mesmos.

O segredo da construção em uma residência privada em Cheshire, no nordeste da Inglaterra, foi criado a partir do auxílio de cabos de aço e modernas concepções de engenharia.

Através dos degraus correm dois cabos, com espessura de 12 milímetros, e cada um deles é tensionado com 15 toneladas de força.

O termo técnico em inglês é post-tensioned, ou seja, tensionado posteriormente. Em outros lugares estabeleceu-se a nomenclatura pré-tensionado (pre-tensioned), que aqui seria errônea. Afinal, naturalmente só é possível primeiro passar os fios através dos degraus e depois colocá-los sob tensão, quando a escada, assentada sobre um andaime, se assenta.

The Stonemasonry Company, Webb Yates Engineers: Escada em rocha ornamental suspensa no ar, com arco de 320 graus.

E depois esta subestrutura é retirada. Neste caso, uma particularidade é que a subestrutura atravessava dois andares, pois essa escada suspensa interliga três pisos.

Os cabos de aço são tensionados com macacos hidráulicos. Em suas extremidades, os cabos têm dispositivos especialmente desenvolvidos, que mantêm a tensão e estão ancorados em placas metálicas.

Os cantareiros da The Stonemasonry de Lincolnshire ocupam-se desde 2010 com construções do gênero e desde então já somaram muita experiência com a criação de 8 escadas pós-tensionadas e outras 6 apenas reforçadas com cabos de aço.

A leveza da construção assim se assenta sobre um pesado planejamento.

Assim, é preciso saber que rochas se adaptam a que exigências e comprovar isso em testes. Do contrário, corre-se o risco de a tensão dos cabos rebentar os degraus. Trata-se aqui da dureza dos materiais e, neste caso, os envolvidos decidiram-se pelo calcário francês Combe Brune.

The Stonemasonry Company, Webb Yates Engineers: Escada em rocha ornamental suspensa no ar, com arco de 320 graus.

Também é preciso considerar um meticuloso optimum entre a espessura da rocha (= a peso) e a necessária tensão em relação à dependência de fatores tipo ângulo de inclinação. Afinal, cada degrau tem largura de 1,30 m e pesa 150 kg, de modo que em 22 degraus para cada andar o peso total somado chega a 6,6 t.

Da mesma forma, é necessário decifrar exatamente em que pontos o cabo de aço deve atravessar os degraus.

E com enorme exatidão devem ser furados os canais para os cabos de aço.

Pierre Bidaud, gerente de projeto na The Stonemasonry, não se cansa de sublinhar a participação do escritório de engenharia londrino Webb and Yates. „Há 8 anos trabalhamos junto com eles. Eles esmiúçam todo o desafio de engenharia técnica conosco.“

Além disso, na verdade a estabilidade da construção não se baseia nos cabos, mas no grande peso típico das rochas. Na medida em que os degraus encontram seus suportes nas extremidades de cima e de baixo, eles se sustentam uns aos outros. O princípio é comparável ao das ancestrais pontes em arco, onde a pedra angular sustenta cada uma das peças envolvidas. Aqui a função de pedra angular é desempenhada pelo cabo de aço.

Bidaud menciona por isso que seu projeto toma emprestada experiências de construções semelhantes na França, Grã-Bretanha e nos trabalhos do professor Giuseppe Fallacara, da Universidade de Bari.

O arquiteto foi Stephen Lavin.

O encaixe dos degraus foi obtido sem soluções especiais. „Temos um sistema de encaixes normal, como qualquer escada escorada“, diz Pierre Bidaud.

The Stonemasonry Company, Webb Yates Engineers: Escada em rocha ornamental suspensa no ar, com arco de 320 graus.

Finalmente: trata-se realmente da primeira construção do mundo deste tipo, com 320 graus de arco, como informa a descrição do projeto?

Não sabemos, e os envolvidos minimizam esse diferencial com o típico humor britânico. Em uma galeria de fotos sobre o processo construtivo, eles mostram uma figura do pintor William Blake, a Escada de Jacó, pintada com um anjo.

„Nos falta apenas o anjo!“, escrevem eles.

Fotogaleria

The Stonemasonry Company

Webb Yates Engineers

Fotos: Agnese Sanvito

The Stonemasonry Company, Webb Yates Engineers: Escada em rocha ornamental suspensa no ar, com arco de 320 graus.Esq.: Jorge Tinoco, senior designer, SMC. Dir.: Alexander Shore, deputy production manager, SMC.

See also:

 

 

 

 

(28.05.2016)