www.stone-ideas.com

Arte: Mármore para o mini piso

(Abril 2011) Não é que a gente precise meter o nosso dedo em tudo quanto é tema. Mas em alguns sim. Por exemplo, no casamento da família real inglesa, que deve acontecer no dia 29 deste mês. Não é que BusinessStone.com tenha se tornado uma publicação voltada para o jet set. Mas os assuntos da ‚realeza‘ têm certamente aspectos rochosos.

Assim é por exemplo a famosa casa de bonecas da rainha Mary, na qual de fato foi bastante utilizado mármore genuíno. Ela foi projetada pelo arquiteto Sir Edwin Lutyens no estilo de uma residência principesca, e construído em conjunto com os melhores artesãos e artistas dos anos 1921 a 1924.

Ela jamais foi pensada como um brinquedo, mas devia isso sim representar o estilo de vida da aristocracia inglesa, numa proporção de 1 pé (33 cm) por 1 polegada (2,45 cm). Detalhes famosos desse trabalho artístico de 1,52 m de altura e 4,5 t de peso são, por exemplo, a adega subterrânea com suas mini garrafas ainda intactas, ou ainda os ratinhos presos numa ratoeira na cozinha, onde um desconfiado gato de cerâmica se curva, pra não falar dos elevadores e torneiras que de fato funcionam.

No foyer, estão soberbamente criados piso, escadaria e paredes em finíssimo mármore preto e branco. No banheiro do rei também foram acrescentadas outras pedras preciosas.

Há pouco foi publicado um livro sobre essa casa de bonecas („The Queen’s Dolls’ House“, de Lucinda Lambton, Royal Collection Publications, ao custo de 12,95 Libras, ISBN 978-1-905686-26-1).

Sobre a abadia de Westminster, construída no ano 960, onde o casamento deve acontecer, já foram escritos muitos livros. Se alguns dos leitores for convidado para a cerimônia, convém não esquecer de visitar a Chapter House. É famoso ali o extraordinário efeito do ambiente, obtido em rocha com meios arquitetônicos de fato muito simples. O local foi restaurado recentemente.

Na capela de Eduardo o Confessor, no fundo do altar-mór, encontrava-se anteriormente a Pedra de Scone, uma grossa placa de arenito com uma longa história cheia de mitologias. Antigamente, ela integrava o assento do trono do senhor da Escócia. Em 1297 ela foi roubada pelo rei inglês e levada para Londres. Em 1996 ela foi oficialmente devolvida à Escócia.

Ela encontra-se hoje no castelo de Edimburgo, mas deve viajar brevemente a Londres outra vez para uma nova coroação. A rocha é tida hoje como símbolo do Reino Unido de Inglaterra e Escócia, segundo a Wikipedia.

A casa de bonecas pode ser visitada no Castelo de Windsor

Fotos da Casa de Bonecas

A abadia de Westminster

A restauração da Chapter House

A Pedra de Scone