www.stone-ideas.com

„Working on Marble” unidades de trabalho com mobiliário de rochas nobres

Se o trabalho foi para Adão e Eva após a expulsão do paraíso uma forma de punição para seus pecados, isso hoje tornou-se para muitos cidadãos afluentes, ao menos nos países industrializados e ricos, uma forma agradável de manterem-se ocupados, com um alto grau de autossatisfação e alegria.

Sendo assim, os locais de trabalho para este público-alvo hoje são ergonomicamente projetados e muitas de suas máquinas belamente desenhadas. Com sua mais recente coleção, a italiana Marsotto Edizioni junta-se a esta tendência: Ela une o local de trabalho com o nobre material mármore – „Working on Marble” é o título da coleção.

A rocha deixa aqui seus campos de aplicação tradicionais, em artes plásticas ou em refinados estilos de vida, e desce para planície da vida cotidiana. É claro que o público-alvo não são os cidadãos de orçamento apertado, mas o consumidor que não precisa prestar atenção aos últimos dígitos.

Kostantin Gricic: „Keyboard“ (L 78,5 x W 35 x H 75).

A coleção „Working on Marble” é composta basicamente de mesas de escritório. Por exemplo, „Keyboard” de Kostantin Gricic: você pode rearranjar a mesa, dependendo da quantidade de área de trabalho necessária e da angulação mais favorável entre elas para realizar tarefa desejada.

Kostantin Gricic: „Keyboard“ (L 78,5 x W 35 x H 75).

„Keyboard” é de certo modo parecida com uma tábua de passar roupa e isso é intencional: talvez alguém precise tirar rapidamente uma blusa ou camisa da mala para livrá-la das dobras indesejadas antes de uma reunião de negócios.

Philippe Nigro: „Rendez vous“ (L 184 x W 85 x H 105, L 60 x W 50 x H 110, L 160 x W 85 x H 87).

„Rendez vous”, de Philippe Nigro, joga com a função de recepção.

Philippe Nigro: „Rendez vous“ (L 184 x W 85 x H 105, L 60 x W 50 x H 110, L 160 x W 85 x H 87).

Do mobiliário para o escritório ou apartamento pode-se compor uma escrivaninha ou pedestal para palestras.

Studio Irvine: „Toio“ (L 140 x W 55 x H 93), „Isa“ (L 80 x W 50 x H 72, Mirror L 38 x W 7 x H 54,2).

„Toio” é como Marialaura Rossiello Irvine e Maddalena Casadei, do Studio Irvine, batizaram sua mesa, que na residência de um músico, por exemplo, também pode sustentar partituras. A penteadeira com espelho removível chama-se „Isa”.

Naoto Fukasawa: „Agorà“ (L 405 x W 405 x H 72, single table: L 200 x W 90 x H 72, angular element: L 102,5 x W 102,5 x H 72).

Algumas pessoas passam a maior parte de seus dias de trabalho em conferências. Naoto Fukasawa desenvolveu para isso „Agorà” uma mesa que pode ser aumentada a partir de peças individuais.

Naoto Fukasawa: „Agorà“ (L 405 x W 405 x H 72, single table: L 200 x W 90 x H 72, angular element: L 102,5 x W 102,5 x H 72).

Essas recombinações incomuns certamente vão ao encontro das necessidades de uma clientela ligada à economia criativa.

Jasper Morrison: „Arena“ (L 573 x W 260 x H 72, ø 260 x H 72 ø 320 x H 72).

„Arena” é como Jasper Morrison batizou sua mesa.

Ross Lovegrove: „Mate“ („Two Mates: L 144 x W 60 x H 71, ca 150 kg, „Mate 50“: L 40 x W 40 x H 50, „Mate 71“: L 50 x W 50 x H 71).

E por fim „Mate”, de Ross Lovegrove: dadas as atuais interligações entre trabalho e tempo livre, ele desenhou um móvel para o jogo de xadrez. É uma maneira de se manter o raciocínio afiado para o trabalho.

Como de costume, os proprietários da empresa, Constanza e Mario Marsotto, trabalharam em estreita colaboração com o Studio Irvine na curadoria. Seu fundador, James Irvine, faleceu em 2013.

A pedra utilizada foi mármore de Carrara com superfície em polimento fosco. Todas essas rochas são maciças. Apenas os móveis de xadrez são ocos por dentro.

Marsotto Edizioni

Fotos: Miro Zagnoli

See also:

 

 

 

 

(27.06.2014)