www.stone-ideas.com

„FortySeven & Co“: o prédio de escritórios onde a rocha pode mostrar do que é capaz

O prédio de escritórios „FortySeven & Co“.

O prédio de escritórios „FortySeven & Co“ no distrito financeiro de Frankfurt mostra algo que só as rochas ornamentais podem oferecer: se os elementos de sua fachada tivessem sido moldados em concreto, os custos de execução sozinhos teriam desequilibrado o orçamento. Com rochas ornamentais e moderna tecnologia CNC, no entanto, uma aparência extraordinária foi obtida com um investimento dentro do aceitável.

Contudo, para chegar a isso é necessário se reunir alguns fatores.

As fachadas ali contíguas são infinitamente tediosas e retratam apenas o empilhamento de escritórios no interior dos edifícios.

Em primeiro lugar, deve haver um cliente que queira destacar seu projeto do entorno. Esse foi o caso no prédio de escritórios em questão: as fachadas ali contíguas são infinitamente tediosas e retratam apenas o empilhamento de escritórios no interior dos edifícios. A Max Baum Immobilien e a Competo Capital Partners, por outro lado, queriam um caráter representativo para o endereço sob o número 47 daquela rua.

Então precisa haver uma firma de arquitetura que tenha uma queda por projetos corajosos. Foi o caso da Tek To Nik Architekten Frankfurt/Main, cujo nome dá alguma esperança de surtos de criatividade.

Finalmente, é preciso uma empresa de rochas ornamentais cujos engenheiros possam realizar o realizável, e encontrar soluções para o incomum. A Hofmann Naturstein não alcançou por acaso o posto de líder no setor de rochas da Alemanha.

Quadrados e ondas são os elementos que dão à fachada sua aparência particular. A frente para a rua mostra-se descontraída com o movimento das ondas, apesar de que o todo permanece interessante a um segundo olhar, visto que não se apreende o todo de uma vez só.

Em primeiro lugar, um quadro externo é colocado em torno da fachada. Ele se mostra quase imperceptivelmente como separador dos prédios contíguos.

Em primeiro lugar, um quadro externo é colocado em torno da fachada. Ele se mostra quase imperceptivelmente como separador dos prédios contíguos.

Dentro deste quadro, a estrutura, acredite ou não, é a de um tabuleiro de xadrez simples, com 8 painéis de vidro compostos vertical e horizontalmente.

Esta estrutura de fato extremamente rígida está descontraída por vários meios, a respeito dos quais vamos detalhar apenas os mais marcantes.

Há dentro das superfícies de vidro pequenas placas - elas foram escalonadas de cima para baixo, de modo que nenhuma linha contínua possa emergir.

Em primeiro lugar, há dentro das superfícies de vidro pequenas placas que podem ser abertas – elas foram escalonadas de cima para baixo, de modo que nenhuma linha contínua possa emergir.

Depois, há as ondas previamente mencionadas. Na posição horizontal, elas se estendem ascendentes ou descendentes através das tiras de rochas ornamentais.

Depois, há as ondas previamente mencionadas. Na posição horizontal, elas se estendem ascendentes ou descendentes através das tiras de rochas ornamentais.

Nas verticais, o movimento cresce da direita para a esquerda, e na sequência imediata isso se inverte.

Nas verticais, o movimento cresce da direita para a esquerda, e na sequência imediata isso se inverte.

„Um dos principais desafios para os engenheiros da Hofmann Naturstein foi desenvolver os nós de ancoragem, onde os itens se reúnem“, diz Manfred Wenzel, diretor-geral da Tek To Nik. Nesta entrevista, ele enfatizou repetidamente o serviço da equipe de cantareiros.

Que um padrão distinto de tabuleiro tenha sido possível, deve-se ao fato de que o arquiteto não se contentou com o quadriculado usual em prédios de escritórios.

Assim, a entrada se resume a 4 campos de fachada e também está levemente retraída e desalinhada.

E, claro, a Tek To Nik não se resignou completamente às regras de um tabuleiro de xadrez. Assim, a entrada se resume a 4 campos de fachada e também está levemente retraída e desalinhada.

De volta ao ponto inicial de nossas considerações, especificamente os elementos de rocha ornamental que, se construídos em cimento, extrapolariam os custos.

O fato de que esses elementos todos pareçam diferentes (o que por sua vez não se pode determinar numa curta observação), está relacionado a uma inclinação da fachada, que se projeta de baixo para cima além dos limites da planta baixa. Assim, na prática, cada elemento tem seu próprio ângulo.

Estas peças únicas têm que se encaixar com precisão milimétrica.

Estas peças únicas têm que se encaixar com precisão milimétrica.

Com um material como rochas ornamentais, se pode mudar arbitrariamente as dimensões em um protótipo e deixar o trabalho de tirá-las de dentro do bloco bruto para as máquinas. O fato de os elementos individuais chegarem a dimensões próximas de 3 m de comprimento e 800 kg não foi problema.

Foi escolhido o calcário português Creme Real. A moldura é coberta com Creme Sintra, também de Portugal. Para a base do edifício, foi usado granito alemão Flossenbürger.

Um esforço dessa ordem se paga em termos financeiros? „A comunidade de investidores pode vender totalmente a construção já na fase de conclusão“, afirmam os arquitetos em sua página na internet.

O projeto foi incluído na lista final de indicados deste ano para o Prêmio Alemão de Rochas Ornamentais.

Tek To Nik

Hofmann Naturstein

FortySeven & Co

Fotos: Stimpert Fotografie

O prédio de escritórios „FortySeven & Co“.O prédio de escritórios „FortySeven & Co“.O prédio de escritórios „FortySeven & Co“.

(17.09.2015)