www.stone-ideas.com

„Coleção Graf da Faber Castell“: caneta-tinteiro com decoração em rocha ornamental e pena de ouro

„Graf von Faber Castell Collection“: caneta-tinteiro.

A „Pen of the Year 2015“ faz referência ao rei prussiano Frederico, o Grande

Rochas ornamentais excepcionais são parte central da coleção „Pen of the Year 2015“ (caneta do ano, 2015) da fabricante alemã Faber Castell em sua marca de luxo, „Graf von Faber Castell Collection“.

Este ano, tudo gira em torno do rei prussiano Frederico, o Grande, e em torno de pedras, das quais ele gostava particularmente.

A haste desta pena de caligrafia nobre leva quatro fatias finas de serpentina esverdeada da Silésia. Na tampa encontra-se um quartzo russo, ou crisoprase, bisotado.

„Graf von Faber Castell Collection“: caneta-tinteiro.

O eixo da caneta é feito a partir de platina especialmente tratada (platinizada) ou banhada a ouro. A pena é feita de ouro 18 quilates, que em partes foi colorizada em branco (bicolor).

As rochas ornamentais foram trabalhadas pela manufatura de pedras preciosas Eberhard Stephan, de Idar-Oberstein, não muito longe de Frankfurt. Essa oficina foi fundada no século 15.

As peças são fabricadas em edição limitada. Há duas categorias com dois tipos de canetas: na categoria com 1000 exemplares, o custo de uma caneta-tinteiro é de 3.500 Euros. Na categoria com 150 peças, o custo é de 6.500 Euros por peça. Nas canetas rolerball, uma espécie de esferográfica, os preços são de 3.200 Euros pela edição com 300 peças, ou 6.200 Euros pela edição com 30 peças.

„Graf von Faber Castell Collection“: caneta Rollerball

Frederico II tornou a Prússia uma grande potência europeia depois de guerras de conquista contra a Saxônia e a Áustria e entrou para a história como „O Grande“. Um olhar mais atento sobre sua vida pessoal revela muito drama: de temperamento artístico e sensível, entrou em rota de colisão com seu pai, conhecido como o „rei-soldado“. Como jovem príncipe, ele tentou se estabelecer na França com um amigo, mas foi capturado e acusado de deserção.

O pai então mandou executar seu amigo por traição e forçou o rapaz a assistir à morte. Depois disso, Frederico submeteu-se plenamente às „razões de Estado“.

Graf von Faber Castell

Fotos: Faber Castell

(22.10.2015)